Quem estuda contra quem dá porrada…

Publicado: 20/01/2012 em Brasil mostra a tua cara!

A não-violência e a covardia não combinam. Posso imaginar um homem armado até os dentes que no fundo é um covarde. A posse de armas insinua um elemento de medo, se não mesmo de covardia. Mas a verdadeira não-violência é uma impossibilidade sem a posse de um destemor inflexível.

Mahatma Gandhi

 

 

Anúncios
comentários
  1. João Carlos disse:

    O transporte público em PE é no mínimo um escárnio.Um acinte.É tão imoral que se fosse “de grátis” sairia caro! Mas os poderosos (Borborema,Nápolis etc) despecham fortunas nas mãos certas nas eleições…sempre. Se abrem ou alargam avenidas,logo aparecem as indefectíveis “lombadas eletrônicas” que paga gordas comissões e a gente sabe quem ganha muito com isso.Lembro das campanhas modestas de Barbicha derna de JP que,de repente,ao retirar as kombis e por conseguinte as empresas donas dos pedaços diminuirem a frota descaradamente mas as campanhas de Barbicha parecem ,desde então o Cirque Du Soleil. Esses babacas espancados logo logo estarão empunhando bandeiras azuis,amarelas ou vermelhas acreditando que uns canalhas que se aumentam na gasolina apenas de 2.300 para 3.700 “real” são diferentes uns dos outros.Eu levo chifre de um urso só e tu,de vários.Portanto,tu és mais corno que eu! Bótimo!
    PS: Nos países civilizados a turma bota prá quebrar,literalmente.Aqui os “mané” empunham cartazes e se pintam prá tomar cacete! Quer saber ? Merecem pau no lombo.E eu acho é pouco!

  2. João Carlos disse:

    Acho que não me fiz entender.Vou tentar novamente.Claro que não sou favorável à violência sob nenhuma hipótese,ainda mais contra jovens lesados pelo Estado.Ora,eu e o resto do planeta sabemos que as empresas de ônibus enfiam rios de grana nas campanhas (especialmente municipais). À troco de que ? Cada uma delas manda numa área da cidade e tratam com escárnio o usuário. Estamos em ano de eleição e eles tem de aumentar os enormes lucros até porque vão “doar” muita grana esse ano.Qual político vai ficar contra ? Garanto que 90% dessa moçada que protesta é a mesma que empunha as bandeiras desses canalhas.Os mesmos canalhas que são alugados às empresas de ônibus,os mesmos canalhas que mandam a polícia baixar o pau na molecada.A mesma molecada que,burramente/ingenuamente,empunha as bandeiras desses safados. Ou essa moçada está alienada ou gosta de levar porrada. Só isso.

  3. João Carlos disse:

    Vamos lá! Semana passada uma criança morreu atropelada na 232 perto da Serra das Russas (logo onde) . Próximo ao local tem uma passarela.Quem deixou essa criança solta atravessar a pista ? Quem são os responsáveis ? O que fizeram “as vítimas” ? Encheram a pista com pneus em chamas obrigando todos os carroa à parar.Formou-se um enorme aglomerado.Ai vem um caminhão cheio de vigas,não consegue frear e causa um empacotamento de 16 carros. Agora,uma moça que estava em seu automóvel sofre no hospital,correndo o risco de ficar paraplégica. O que fez o Estado ? A polícia ? Pode-se aceitar como legítimo esse tipo de protesto ?

  4. Bem João, eu não entendi. Acho que foi assim. Por pior que seja um protesto, os jovens não fizeram nenhum vítima. O protesto da BR-232 gerou um grave acidente que poderia ter sido trágico ao extremo. Mas, acho que o motorista da carreta falou que os freios falharam. Estava com 25 toneladas. No meu tempo (old boy) os caminhões mal chegavam a 14 toneladas. Cada vez mais a indústria de caminhões se supera. E nossas estradas , que já são ruins se lascam e nós com nossos carrinhos indo até lá (imagine se é um carro pequeno que a carreta entrasse na traseira, foi uma NIssan), viramos pó. Tenho medo de andar na BR 232, pois dirijo devagar. 100 km/hora prá mim já é muito, mas isso é pouco por lá. Os treminhões, sim pois agora a moda são os treminhões, andam embucetados. 120, 130, 140. Na última vez que fui a Gravatá, na torna pro Recifilis ou Hellcife, vi um Corolla e um treminhão disputando pega. Embucetados. É a palavra. Quanto aos jovens merecerem levar porrada, sei que você não quis dizer que eles merecessem. Mas é uma molecada que , como disse há alguns anos o sumido Julinho de Adelaide, nunca “amocegou” um ônibus, nunca jogou bola num campinho de terra e voltou prá casa com os dedos e a sola do pé lascados, nunca empinou pipa, jogou peão, ou pião, pique, empunhou badoque, andou de bicicleta livremente pelos bairros, voltou a pé das festas pelo meio da rua sem medo de assaltos. É uma juventude entulhada de informações, mas com pouca vida. Criamos nossos filhos assim e conseguimos livrá-los do feitiço nerd. Graças a Deus. Eles são massa de manobra? Concordo contigo. Mas, apanhar não. E concordo contigo também. E mais não digo. Big abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s